Comunicado

A Prefeitura Municipal de Camaragibe, por meio do Decreto Nº23/2018, assinado nesta segunda-feira (28) pelo prefeito Meira, promulga estado de emergência no município devido à crise do abastecimento que se estende há sete dias. A situação de emergência autoriza a adoção de todas as medidas administrativas necessárias ao abastecimento da frota de veículos do órgão para seguir com a prestação dos serviços essenciais à população. Além disso, determinou-se a criação de um comitê de crise a cargo do gabinete do prefeito, em conjunto com as secretarias responsáveis pela análise e processamento das demandas oriundas das áreas de saúde, educação, assistência social, limpeza pública, manutenção de vias, disciplinamento do trânsito, controle urbano e segurança. Nesta segunda-feira (28), devido à crise, o órgão municipal funcionou com ponto facultativo e as escolas municipais e as Unidades de Saúde da Família não funcionaram. Estão com atividade normal a emergência do Hospital Aristeu Chaves, a Maternidade Amiga da Família, o Centro Municipal de Especialidades de Vera Cruz (Cemec Vera Cruz), o Samu, o transporte dos pacientes de hemodiálise, a coleta de lixo na cidade e o Mercado Público Municipal. Também foi assinado o Decreto Nº24/2018 que determina ponto facultativo na Prefeitura Municipal até esta quarta-feira (30). Da mesma forma seguem as aulas nas escolas municipais, consultas médicas e cursos na Secretaria de Desenvolvimento Econômico, que serão remarcados. Com o fim da crise, o funcionamento volta ao normal, bem como as aulas das escolas serão retomadas e o conteúdo perdido ministrado nestes dias serão programados pela Secretaria de Educação. Ressaltamos que a Prefeitura de Camaragibe segue acompanhando a situação para que medidas necessárias e urgentes continuem sendo tomadas a fim de diminuir os impactos da crise na população.


Publicado em 28 de maio de 2018
Por Secretaria de Comunicação