Em Camaragibe, Secretaria de Educação oferece serviços de psicologia nas escolas municipais

Os atendimentos serão destinados aos alunos, pais e corpo docente

A Prefeitura Municipal de Camaragibe, por meio da Secretaria de Educação, através de seu Departamento de Psicologia, está ofertando serviços de atendimento psicológico aos alunos e pais, além de professores e estagiários da Rede Municipal de Ensino.

Dentre os serviços oferecidos, atendimento clínico destinado aos alunos com laudos ou que necessitem de avaliação especializada e diagnóstico; atendimento nas escolas para os pais e alunos com casos de menor complexidade; acompanhamento escolar com monitoramento do desempenho escolar, da motivação e do engajamento dos alunos que já passaram pelo serviço de psicologia; Plantão Psicológico para os professores e estagiários.

Além disso, há ainda o assessoramento às escolas e aos professores para o atendimento dos educandos com necessidades educacionais especiais, bem como elaboração de atividades pedagógicas para os alunos com tais necessidades. Os estudantes serão atendidos após solicitação da gestora da escola e breve análise do caso comportamental e pedagógico realizado pelo professor. Após este procedimento, as equipes entrarão em contato para realizar o agendamento.

“Dentro do nosso quadro de funcionários, observamos a existência de 61 professores readaptados, tendo a maioria problemas psíquicos como o grande motivo. Além disso, o número de alunos inclusos aumentou muito nos últimos anos, sendo também em maior quantidade aqueles com problemas psicológicos. Sendo assim, as psicólogas da Secretaria de Educação deram início ao trabalho com os alunos e com os docentes”, explicou o secretário de Educação, Denivaldo Freire. De acordo com ele, a demanda cresceu, o tratamento passou a ser continuado e, por isso, o projeto se expandiu.

“Esse é um trabalho extremamente inovador e pioneiro. Nunca houve um serviço com esse cuidado e atenção. Um trabalho preventivo pra que no futuro não haja mais professores readaptados e também um cuidado diferenciado aos alunos inclusos. A grande novidade é o plantão psicológico, com atendimento clínico, voltado para casos emergenciais do nosso corpo docente”, destacou a psicóloga da Secretaria de Educação, Suzane Rufino.

O Plantão Psicológico, direcionado ao corpo docente, funcionará todas as quintas-feiras, das 8h às 11h30 e das 14h às 17h30, sem necessidade de agendamento prévio. Já o atendimento clínico para os casos de maior complexidade, todas as terças-feiras das 8h às 11h30, nas quartas e sextas, das 8h às 11h30 e das 14h às 17h30.


Publicado em 9 de março de 2018
Por Secretaria de Comunicação