Prefeitura de Camaragibe conclui projetos para pavimentação de 24 ruas em diversos bairros 

A Prefeitura de Camaragibe, por meio da Secretaria de Infraestrutura e Serviços Públicos, concluiu a primeira etapa dos projetos de pavimentação de diversas ruas do município, necessários para a captação de recursos. De um total de 51 logradouros, 24 foram apresentados à prefeita Doutora Nadegi durante reunião com a secretária da pasta, Eryka Luna.

A formulação de projetos é essencial para viabilizar as condições técnicas de execução das obras. Os documentos listam informações de cumprimento, relevo, topografia, acessibilidade e custos. Um segundo pacote de projetos de ruas está em fase de processo licitatório para contratação de empresa que realizará os estudos necessários.

Os projetos concluídos são referentes às ruas São José da Laje, Livramento, São Sebastião, Piracicaba e Travessa Jacuípe, no bairro São João e São Paulo; Marcos Nascimento e Bernardo Guimarães, em João Paulo II; Porto Amazonas e Travessa São Miguel, em São Pedro; Geólogos, no Timbi; Redentor, no Bondade de Deus; Maria Amélia de Santana e Mato Grosso, no Bairro dos Estados; Três Marias, em Santa Mônica; Manoel Bione, em Vera Cruz; Prazeres Lopes dos Santos, em Tabatinga; Estrada de Pau de Ferro; Alfredo Mubel e Afonso Arinos, no Oitenta; José Antônio de Lima, no Bairro Novo do Carmelo; Costa e Silva e Lobato e Campo Sales, em Primavera; Elias Pereira, Cinco e Campo Sales, em Tabatinga; Maria de Souza Araújo, no Céu Azul e Rua São João da Barra, em Alberto Maia.

“Camaragibe é um município que ainda possui muitas ruas sem pavimentação alguma. Já adotamos medidas emergenciais de resolução dessa problemática, como a utilização de motoniveladora, inseridos na Operação Tapa-Buracos. Entretanto, o nosso objetivo é ampliar ainda mais o número de ruas com a pavimentação, seja em calçamento ou outras formas. Essa etapa de projetos é primordial para que a gestão vá em busca dos recursos necessários para a realização das obras”, destaca a Doutora Nadegi.

Eryka Luna afirma que os projetos são parte importante no processo. “É imprescindível ter em mãos esses estudos para executar as obras de pavimentação. Os projetos elencam uma série de nuances que devemos levar em consideração. São informações do terreno, do material utilizado, topografia e quanto deve ser utilizado para a execução do serviço. Serão obras com drenagem, adequação da acessibilidade, material de primeira, enfim. Com os projetos, a prefeitura deve viabilizar a melhor execução dessas obras, e garantir melhor qualidade de vida para os munícipes desses endereços”, disse.


Publicado em 21 de fevereiro de 2022
Por Secretaria de Comunicação