Programa Camaragibe da Paz continua atividades no município

Encontros que começaram em agosto seguem com diversos setores da cidade

O objetivo do programa é trabalhar na busca de soluções para os problemas de desordem e insegurança pública no município de Camaragibe, este que vem sofrendo bastante nos últimos tempos com a marginalidade. A iniciativa é criar ambientes comunitários para que neles se desenvolva a interatividade social, através de um modelo de parceria decisória. Dessa forma, a gestão atual vem procurando conhecer os anseios, as necessidades e as expectativas da população, a partir de cada segmento social.
Ontem (17) as reuniões foram retomadas com as comunidades Espírita e de Matrizes Afriacanas, ouvindo e passando as informações sobre o projeto para a segurança do município. Amanhã (19), será a vez das comunidades Nipônica/Messiânica, Indú e Islâmica, a partir das 17h, no auditório da Pousada Camará, em Aldeia. Na sexta-feira (20), os encontros serão com os taxistas, mototaxistas, feirantes de produtos orgânicos de Aldeia, a comunidade dos Ateísta/Agnósticos.
Para concretizar a proposta, após realizar a escuta popular, serão estabelecidas as Comissões de Ordem Pública e Segurança Cidadã e os Conselhos Regionais, até chegarmos ao topo da pirâmide, onde estarão os problemas de insegurança e medo do crime na discussão elevada das políticas públicas em desenvolvimento.
Sobre o projeto
Camaragibe da Paz é inter setorial e busca, através de ações inteligentes e efetivas, melhorar a salubridade, a segurança e a tranquilidade pública do povo camaragibense, visualizando um cenário da cultura de paz. Entre os principais projetos do programa: diagnóstico pormenorizado no ambiente da ordem pública e segurança cidadã integrada, encontros mensais com as comunidades, vídeo patrulhamento municipal, patrulha municipal Maria da Penha, além do inovador Corredor de Segurança Ostensiva da Guarda Civil Municipal.


Publicado em 20 de outubro de 2017
Por PMCG